Destinos:

Belém, Sintra, Cascais, Lisboa, Alcobaça, Batalha, Tomar, Nazaré, Fátima, Coimbra, Porto, Guimarães, Douro, Elvas, Évora

Resumo

Reúna seus amigos e faça um tour inesquecível por Portugal com este roteiro privativo que montamos para você!

Europa

O segundo menor continente em superfície do mundo, possui mais de 50 países e representa apenas 2% da superfície da Terra.

 

MAIS SOBRE O TOUR

Escolha a melhor data e reúna seus amigos para este tour inesquecível por Portugal!

Um roteiro privativo por Belém Sintra, Cascais, Lisboa, Alcobaça, Batalha, Tomar, Nazaré, Fátima, Coimbra, Porto, Guimarães, Douro, Elvas, Évora.

Grupo mínimo de apenas 8 passageiros. Aproveite!

GALERIA

ROTEIRO DA VIAGEM

1º dia – Brasil / Lisboa - Chegada ao Aeroporto de Lisboa e transfer para o hotel;

2º dia – Dos Monumentos de Belém até ao tradicional Mercado da Ribeira
Visita a Belém, a zona de Lisboa mais rica em história e monumentos. Foi a partir daqui que muitos dos exploradores portugueses partiram nas suas viagens dos Descobrimentos. Não perca a oportunidade de conhecer a Torre de Belém e o Mosteiro dos Jerónimos, monumentos de referência da época dos Descobrimentos.
Faça uma pausa e delicie-se com um lanche na Antiga Confeitaria de Belém onde desde 1841 são servidos os famosos e deliciosos “Pasteis de Belém”. 
Visita ao Museu Nacional dos Coches, museu que possui a maior colecção do mundo de coches. Aqui poderá vislumbrar a evolução deste meio de transporte utilizado pelas cortes europeias até ao aparecimento do automóvel. Visita também ao Museu de Marinha, onde poderá conhecer mais sobre a história naval que remonta aos séculos XVI e XVII.
Passagem num dos mercados mais típicos e tradicionais de Lisboa, o Mercado da Ribeira, onde poderá provar a tradicional “Ginginha de Óbidos”.
E para terminar este dia, jantar (opcional não incluído) numa prestigiada Casa de Fado, onde terá a oportunidade de saborear a gastronomia portuguesa ao som desta música tão portuguesa, e classificada pela UNESCO como Património Cultural Imaterial da Humanidade.

3º dia - De Sintra de um conto de fadas até Cascais e a sua belíssima costa marítima
Dia a explorar os mágicos caminhos de Sintra, vila classificada pela UNESCO como Património Mundial e Paisagem Natural e que é reconhecida por muitos como a capital do Romantismo.
Visita ao Palácio de Queluz e os seus jardins, o Versailles português, visto que é frequentemente comparado com o famoso palácio francês: aprecie a perfeita harmonia criada entre a sua estrutura arquitectónica e os seus deslumbrantes jardins.
Durante esta viagem prove algumas das iguarias tradicionais desta vila e após esse delicioso momento, aproveite a vista da montanha enquanto sobe para o Castelo dos Mouros e o Palácio da Pena.
Visita ao local situado mais a Oeste da Europa – o Cabo da Roca, onde a vista é deslumbrante e o mar imenso.
Seguindo para Cascais, vislumbrará as maravilhosas praias do Guincho, e a imponente Boca do Inferno. Terminaremos o dia na pitoresca vila de Cascais.

4º Dia - Lisboa Pitoresca e Baixa Pombalina
Tempo para mergulhar nas histórias, na cultura e nas tradições de Lisboa. Visita ao miradouro da Graça, onde ficará fascinado com uma das melhores vistas que Lisboa tem para oferecer. Este miradouro proporciona magníficas vistas sobre o Rio Tejo e o Castelo de São Jorge que fica situado no topo da colina mais alta de Lisboa. 
Aprecie a descida pela Avenida da Liberdade, que é conhecida por ser semelhante aos Champes-Elysées em Paris. Aqui poderá encontrar lojas de renome internacional.
Continue até à Praça dos Restauradores e Praça do Rossio que são duas das mais emblemáticas praças de Lisboa, seguindo para a praça principal de Lisboa, a Terreiro do Paço que fica em frente ao Rio Tejo, onde poderá experienciar uma degustação de vinhos. Aproveite também para comprar algumas lembranças para si, para a família e para os seus amigos nas lojas circundantes..

5º Dia - Alcobaça e Batalha, repletas de História
Saída em direcção a Alcobaça, onde se encontra o Mosteiro de Alcobaça, a primeira obra de Arquitectura Gótica erguida em Portugal e iniciada em 1178 pelos monges de Cister. Presentemente, este monumento está classificado como Património da Humanidade pela UNESCO, e em 2007 foi eleito como uma das 7 Maravilhas de Portugal.
Visita ainda ao Museu do Vinho de Alcobaça, considerado uma das jóias do Património Português Vitícola, o qual conta com mais de 8500 peças móveis que contextualizam a vinicultura e a viticultura. Este museu está localizado numa antiga adega que o Engo. José Eduardo Raposo de Magalhães, importante figura da sociedade portuguesa do século XIX, edificou em 1874.
Ida até à Batalha onde terá a oportunidade de visitar o Mosteiro da Batalha, mosteiro dominicano mandado construir por D. João I como agradecimento à Virgem Maria pela vitória na Batalha de Aljubarrota, batalha que viria a garantir a independência de Portugal da vizinha Espanha. Este mosteiro está classificado como Património Mundial da UNESCO.

6º Dia - Tomar e Fundação Batalha de Aljubarrota 
Começamos o dia na Batalha a visitar o Centro de Interpretação “Fundação Batalha de Aljubarrota” onde poderá ver, de forma rigorosa, instrutiva e cativante, a reconstrução da “Batalha de Aljubarrota” através de um espectáculo multimédia. Também aqui estão patentes vestígios arqueológicos encontrados no campo de batalha, que é o mais bem preservado da Europa. 
Visita a Tomar, cidade cujo centro histórico é de traçado medieval. Visita ao Convento de Cristo e ao Castelo Templário, monumentos ex-libris desta cidade e património Cultural e mundial UNESCO, e cujas intervenções ao longo dos séculos reflectem artisticamente a história de Portugal. Tempo livre para deliciar-se com as “Cornucópias”, doçaria típica da região.
Aproveite o resto da tarde nesta magnifica cidade para fazer compras para si, para a família e para os amigos nas lojas locais.
Regresso ao hotel onde poderá descansar e relaxar ao usufruir dos vários tratamentos disponíveis no Spa do hotel. 

7º Dia - Nazaré e Fátima - Do Mar ao Altar 
Ida até à Nazaré, vila piscatória tradicional que manteve as suas antigas tradições ligadas ao mar. Este facto reflete-se no artesanato e na gastronomia locais de onde merecem destaque os deliciosos pratos de peixe. 
Visita ao local onde o famoso surfista Garret McNamara, em Novembro de 2011, apanhou uma onda com mais de 34 m, facto que lhe valeu uma merecida entrada no Guinness Mundial. Passeio por esta vila típica portuguesa.
Ida até Fátima, onde poderá irá visitar o Museu e o Santuário de Fátima ficando a conhecer mais sobre a história dos 3 pastorinhos. Tire tempo para meditar, tranquilizar-se e encontrar paz de espirito e serenidade neste local tão especial.

8º Dia - Coimbra, cidade erudita 
Seguimos rumo a Coimbra para visitar a Universidade de Coimbra, a mais antiga Universidade de Portugal e uma das mais antigas na Europa. Fundada pelo rei D. Dinis a 1 de Março de 1290, desde a sua origem tem sido um polo difusor do conhecimento e uma referência da língua e cultura portuguesa. A 22 de Junho de 2013 foi declarada Património Mundial pela UNESCO.
Visita ao Museu Nacional de Machado de Castro, um dos mais significativos museus de arte antiga do país, que abriga uma das mais magníficas colecções de escultura monumental nacional, de pintura dos seculos XV ao XVIII, e ainda um importante conjunto de peças de Artes Decorativas (ourivesaria, joalharia, têxteis, mobiliário e cerâmica).
Tempo livre para almoçar num restaurante local de Coimbra ou da Mealhada, onde poderá experienciar o famoso “Leitão assado à Bairrada”, regado por vinho e pão feitos na região.
Seguimos em direcção à Serra do Buçaco, área protegida pela sua riqueza paisagística e cultural. No Buçaco encontra-se o fantástico Palácio do Buçaco, desenhado pelo cenógrafo Luigi Manini; é também o palco da mais bela história de amor de Portugal, a história de Pedro e Inês; e ainda faz parte desta serra, a famosa vila do Luso, mundialmente conhecida pela pureza das suas fontes de águas termais, muito utilizadas no tratamento de problemas renais e de pele.
Terminamos o dia com ida até Aveiro, a Veneza portuguesa. Esta cidade pode ser conhecida por barco (não acessível a cadeira de rodas), num passeio de moliceiro na Ria de Aveiro ou a pé, que lhe permitem ficar a conhecer o Bairro da Beira-Mar, bairro habitado por gentes ligadas às lidas do mar; o tradicional azulejo Aveirense, e ainda a Arte Nova que decora inúmeros edifícios espalhados pela cidade. Próxima paragem: o Porto.

9º Dia - Centro Histórico do Porto 
A classificação do Centro Histórico do Porto como Património da Humanidade em 1996 pela UNESCO teve como objecto “a área do burgo medieval limitada pelas muralhas do século XIV”. Hoje o Centro Histórico do Porto tem como imagem de marca, o maneirismo e o Barroco de granito. 
Visita à Torre dos Clérigos, um dos ex-libris da cidade e que faz parte da Igreja dos Clérigos, onde pelas 12h00 tem-se diariamente a oportunidade de assistir a um concerto de Órgão de Tubos na igreja.
E tendo como fundo o rio Douro, segue-se tempo livre para disfrutar uma refeição num restaurante típico na Ribeirinha, a parte antiga e quase folclórica da cidade, cujas ruelas seculares valem a pena serem descobertas a pé. 
Visita ao Salão Árabe do Palácio da Bolsa, inspirado no Palácio de Alhambra de Granada e materializa a expressão máxima da arte mourisca em Portugal.
Visita ao Bairro da Sé, um dos mais emblemáticos e onde se encontra a Sé Catedral, a igreja mais importante do Porto.

10º Dia - Centro Histórico de Guimarães 
Seguimos para Guimarães, a cidade onde nasceu Portugal, e que soube preservar a evolução e transição do seu aglomerado urbano medieval do século XII para uma cidade moderna do século XIX, respeitando materiais e as técnicas tradicionais de construção das épocas, e por isso desde 2001 que o Centro Histórico de Guimarães está classificado como Património da Humanidade pela UNESCO. 
Visita ao Castelo de Guimarães (século XII-XIII), onde nasceu o primeiro rei de Portugal: D. Afonso Henriques. Segue-se para o Largo da Oliveira onde se encontram a Igreja Nossa Senhora da Oliveira (século XII); o que resta do antigo Convento da Nossa Senhora da Oliveira; o lindíssimo claustro inserido no Museu Alberto Sampaio e o Padrão do Salado. Na Praça de Santiago destaca-se a Domus Municipalis, um imponente monumento que foi paço do concelho nos finais do século XIV.
Seguimos em direcção a Tenões, freguesia de Braga, a cidade dos Arcebispos, onde iremos visitar o Santuário do Bom Jesus de Braga, cuja origem remonta ao princípio do século XIV. Este Santuário é hoje considerado a maior atracção turístico-religiosa da cidade e da região de Braga. Tempo para fazer compras nas lojas locais.

11º Dia - Douro Vinhateiro 
Visita à região do Douro, a região para a produção vinícola mais antiga do mundo: foi instituída por alvará de D. José I a Setembro de 1756 como região de produção vinícola, e é aqui que desde então se produz o famoso Vinho do Porto. Desde 2001 que o Alto Douro Vinhateiro está classificado como Património da Humanidade – Paisagem Cultural – pela UNESCO. 
Tempo para almoço num restaurante local onde terá oportunidade de provar algumas das iguarias locais: o tradicional cabrito assado, a posta maronesa e mirandesa, a bôla de Lamego, o bazulaque, a alheira de Mirandela, as trutas, e nos doces os covilhetes, as cristas de galo, as tigelinhas de laranja entre muitos outros. Visita guiada a uma quinta vinícola com prova de vinhos. Tempo ainda para descansar, fazer compras nas lojas locais e para apreciar a bela paisagem.

12º Dia - Arte Rupestre 
Próximo destino: Visita ao Parque Arqueológico do Vale do Côa, classificado como Património Mundial da Humanidade em 1998 pela UNESCO. Aqui, poderá ver gravuras em pedra, numa rara concentração de arte rupestre datada do Paleolítico Superior (22 000-10 000 a.C.), constituindo o mais antigo registo de actividade humana de gravação existente no mundo. São figuras animalistas, embora se conheça uma representação humana e outra abstracta, e gravadas pelas técnicas de picotagem e abrasão. Visita ainda ao Museu do Côa, onde poderá tirar tempo livre para almoçar e apreciar a paisagem fantástica. 
Seguimos em direcção à Serra da Estrela, a mais alta montanha de Portugal Continental, para conhecermos a vila de Manteigas, vila localizada em pleno Vale Glaciário do Zêzere, e um dos melhores exemplos da modelação da paisagem pelos glaciares. Aqui, o elemento “água” constitui a base de Manteigas e dá vida à Estancia Termal de Manteigas: águas cristalinas e bravas irrompem da serra, e dão vida à cascata da Fonte Paulo Luís Martins; ao Poço do Inferno, uma queda de água com cerca de 10 metros. Na Torre, o ponto mais alto da serra poderá observar a paisagem de vales formados por xisto e granito encaixados, recortados por cursos de água.
Mas antes de chegarmos à Serra da Estrela, teremos oportunidade de passar pela Guarda e por Belmonte, terra natal do ilustre Pedro Alvares Cabral mas também conhecida por ter sido um ponto de abrigo à comunidade Judaica sefardita que lutou contra a intolerância religiosa católica na Península Ibérica.

13º Dia - A Beleza da Arquitectura Militar 
Seguimos em direcção a Elvas, não deixando antes de explorar os bonitos caminhos que nos levam até esta cidade. Teremos oportunidade de passar por Castelo de Vide, que pelas suas características morfológicas aliadas a factores de estratégia de ordem territorial, elevarem esta vila a praça-forte; e ainda por Marvão. 
Elvas, cidade-quartel, já foi a mais importante linha de defesa de Portugal. Aqui, muitos caíram a lutar contra a vizinha Espanha. Mas Elvas, sempre resistiu, simbolizando o desejo de autonomia de Portugal face ao domínio espanhol. De forte influência holandesa, Elvas tem o maior sistema de fortificações abaluartadas do mundo com cerca de 10 km de perímetro e uma área de 300 ha; e desde 2012 que está classificado pela UNESCO como Património Mundial da Humanidade. Integra o Castelo, dois Fortes (o Forte de Santa Luzia e o Forte da Graça), três Fortins (São Mamede, São Pedro e São Domingos), a muralha abaluartada e o Aqueduto da Amoreira com quase 8 km e 843 arcos. Teremos oportunidade de passar por alguns dos monumentos que compõem este impressionante sistema de fortificação.
Tempo livre para almoçar num restaurante local da cidade, onde iremos provar as iguarias locais, como, o famoso “Bacalhau Dourado”, seguido por doces conventuais, as Ameixas de Elvas e a Sericaia.
Tempo ainda para irmos à descoberta do artesanato local nos vários ateliês na Rua dos Quartéis: bordados tradicionais, olaria e as famosas “roncas”, constituem possibilidade de compras para si, para a família e amigos.

14º Dia - A Cidade-Museu 
Seguimos em direcção a Évora, cidade cujo centro histórico é um dos mais ricos e bem-preservados de Portugal, valendo-lhe a designação de Cidade-Museu. Desde 1986 que este centro histórico foi classificado pela UNESCO como Património Mundial da Humanidade. As muralhas de Évora guardam testemunhos culturais inalterados ao longo dos séculos, testemunhos que vão desde vestígios romanos, edifícios medievais, igrejas monumentais, praças históricas até palácios e conventos do século XV e XVI – destacam-se as Ruínas Romanas, um dos marcos mais famosos desta cidade.
Tempo livre para almoçar num restaurante local e provar um prato tradicional alentejano, onde o pão regado com azeite e temperado com ervas é rei. E depois deste belo manjar, tempo ainda para algumas compras antes de seguirmos rumo a Lisboa, onde terá o resto da tarde livre para relaxar, fazer compras ou outra actividade a seu gosto.

15º Dia - Lisboa / Brasil(1)
Dia livre. Transfer para o Aeroporto de Lisboa ou Cais, em horário previamente definido.


 (1) Dependendo do horário de voo poderá ainda complementar o seu dia com uma experiência ou tour extra (valor não incluído no preço final). 
Por favor, contacte-nos previamente.
Inclui 14 noites em Alojamento de 3 e/ou 4 estrelas; refeições de acordo com o regime eleito (APA, MP ou PC); excursões/tours de acordo com o programa seguro de viagem; snacks e entrada em museus / monumentos de acordo com o programa; transporte e transfers, helpline durante toda a estadia. Todos os transportes referenciados poderão ser realizados, caso necessário, em viatura adaptada com plataforma eléctrica para cadeiras de rodas ou pessoas com mobilidade reduzida. Não inclui voos ou ligações de voo; gratuidades; bebidas às refeições, excepto mediante informação contrária; actividades ou tours extras. Nota: Este programa é válido durante todo o ano. Possíveis atrasos de todos os meios de transporte, causados por razões técnicas ou outras relacionadas com o próprio transporte estão salvaguardados. 
Para comodidade dos nossos clientes, e por uma questão de gestão de recursos, ou por razões alheias à organização, a agência organizadora poderá alterar a ordem do percurso, o horário de partida dos tours e visitas ou substituir qualquer um dos hotéis por outra unidade em localização e categoria similar.

COMPONENTES DO PACOTE

Hospedagem;
Refeições com o regime de meia pensão;
Tour conforme descrito na programação;
Interlocutores experientes;
Snacks e Entrada nos Museus/Monumentos;
Helpline durante toda a estadia;
Seguro de viagem básico (consulte-nos adicional para seguro acima de 65 anos ou outro cobertura) ;
Acompanhamento privativo desde o Brasil;
Transfer in/out.

Passagem aérea; bebidas, gorjetas e taxas de turismo, atividades opcionais extras, adicional de seguro.


A partir de
€ 3.822,00

VALORES

A partir de:

Terrestre: € 2.911,50 aproximado

Aéreo: € 911,00 aproximado

Single adicional de € 230,00 


Pgto parte terrestre: 

Entrada € 720,00 + 12X de € 216,00


Preços por pessoa sujeitos a alteração e a disponibilidade de lugares. Preços em Euros, para mínimo de 8 passageiros.

SOLICITE MAIS INFORMAÇÕES OU FAÇA A SUA RESERVA

{{contact.errors.name[0]}}
{{contact.errors.email[0]}}
{{contact.errors.message[0]}}
{{contact.success ? 'Mensagem enviada com sucesso.' : 'Ocorreu um erro ao enviar sua mensagem.'}}

VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR

Londres e Cruzeiro pela Noruega - Terra do Sol da Meia Noite
Marrocos e Madri
Chile com travessia dos Lagos Andinos
Belezas do Leste Asiático